O conceito do Baile Met Gala 2019.

Um dos eventos mais esperados do ano, o Costume Institute Gala, o famoso MET Gala, aconteceu na noite desta segunda-feira (6) no Metropolitan Museum of Art, em Nova York, A primeira segunda-feira de maio do ano, inaugura sua exposição anual, com direito a uma festa e show exclusivíssimos. E a cada ano, a festa (e o dress code) seguem o tema da mostra, abrindo uma míriade de caminhos fashion para o seleto grupo de convidados explorar. No ano passado, o gala intitulado "Heavenly Bodies" tinha como tema a tradição e indumentária católica na arte. Uma referência fácil de pegar, certo?

No entanto, o tema deste ano, deixou o público um pouco em dúvida. A exposição de 2019 celebra o ensaio de 1964 de Susan Sontag, "Notes on Camp", uma peça que define um conceito estético bem complicado de se definir: o camp. Para entender a ideia, comecemos com a definição mais acadêmica.

O que é Camp?

Um conceito estético, uma prática social ou sensibilidade, o camp é tudo aquilo que atrai o olhar pelo que é considerado de mau-gosto ou que tenha uma provocação irônica pela inadequação. Nas palavras de Sontag, é “amor pelo antinatural: do artifício e do exagero”. A palavra "camp" vem do verbo francês "se camper", que se traduz em "fazer uma pose exagerada".


Com Lady Gaga, Serena Williams e Harry Styles co-apresentando o chamado Oscar da Moda ao lado de Anna Wintour, o baile tem uma lista de convidados poderosa.

Entre os destaques, um dos anfitriões da noite, Harry Styles provou mais uma vez que não tem medo de arriscar em suas escolhas de moda. Fugindo completamente da masculinidade tóxica, o britânico exibiu um look totalmente andrógino, combinação de características masculinas e femininas.




Miley Cyrus aderiu bastante ao tema do Met Gala 2019! Com um look totalmente diferente do esperado, a cantora marcou uma das chegadas mais exuberantes da festa. O seu visual era algo abstrato, que pareceu ser montado única e exclusivamente para encaixar nos formatos de seu corpo impecável.

Bem madura, perto das demais aparições, a estrela optou por cores pretas e verdes, sem falar no excesso do brilho que tornou a chegada dela ainda mais especial. Outro fator que deu o que falar foi o penteado e a maquiagem, que conversavam extremamente com o restante da roupa.

Com uma meia calça preta, com pontos mais escuros, o sapato de salto alto chamou atenção por ter suas alças formadas por laços de fita, o que arrancou diversos aplausos por parte de todos que presenciaram sua passagem no tapete rosa do Met 2019.








Presença frequente no MET Gala, Celine Dion botou as pernas de fora e encarnou uma verdadeira showgirl em seu look para a edição 2019 do evento de moda de Nova York.

A cantora canadense exibiu um look todo trabalhado na franja, cheio de brilho, e com direito a uma cabeça ornada com penas.





Gisele Bündchen também marcou presença no Met Gala 2019. Gisele Bündchen comprovou que pode ser elegante e sustentável ao surgir deslumbrante. Mulher do esportista Tom Brady, ela elegeu um vestido plissado e com decote generoso assinado pela designer italiana Maria Grazia Chiuri para a Dior. "Sim, fashion pode ser lindo e sustentável. Obrigada, Maria Grazia Chiuri, e a todo time Dior por fazer meu vestido sustentável", comentou a gaúcha. A loira ainda adotou mega-hair superlongo e fios polidos para completar sua produção para o baile, marcado por novas tendências, como toucas cravejadas em cristais, maquiagens coloridas para os tons de azul e roxo e up na make com maxicílios.





Por Mari Berlanda

257 visualizações

2020  -                                      CLA Magazine  Todos os Direitos Reservados